Entendendo MPLS Transport Profile

O MPLS-TP é uma tecnologia de rede orientada a conexão para suportar, sobre uma rede de comutação de pacotes, serviços carrier-class que atendam a todos os requerimentos de uma rede de transporte, inclusive os de segurança, resiliência, monitoração, comutação automática de proteção e outros necessários para suportar as funcionalidades essenciais de uma rede de transporte. Baseia-se nos princípios de arquitetura de tecnologias orientadas a conexão tais como SDH e OTN.

“O MPLS (Multi-Protocol Label Switching) é uma tecnologia para redes de pacotes madura e que desempenha um papel importante nas redes e serviços de transporte. Entretanto, nem todas as funcionalidades e mecanismos de MPLS são necessários ou consistentes com a operação de redes de transporte. Hoje existem também características de redes de transporte que não se encontram refletidas no MPLS. Portanto, foi necessário definir um Perfil de Transporte MPLS (MPL-TP) para dar suporte às capacidades e funcionalidades necessárias para serviços e operações de redes de transporte de pacotes e que combinasse a experiência em pacotes do MPLS com a experiência na operação e práticas utilizadas nas redes de transporte existentes.” (RFC 5654).

As redes MPLS-TP utilizam uma tecnologia relativamente econômica baseada em comutadores de nível 2.5 (entre as camadas de enlace e de redes IP) quando implementadas por separado, e fornecem QoS – com garantia de banda e garantia de retardo – além de monitoração e outras funções de OAM fim a fim e por segmentos e comutação automática de proteção. Desta forma, as redes MPLS são tão robustas quanto as redes de tecnologia tradicional, tais como redes SDH e OTN. Esta tecnologia está alinhada com os processos atuais de gestão de redes e recursos utilizados em redes de transporte de telecomunicações.

Como o núcleo das redes atuais muitas vezes é baseado em comutação de pacotes, os profissionais envolvidos com o planejamento e operação de serviços de transporte em telecomunicações necessitam conhecer o MPLS-TP. Os profissionais que atuam no planejamento, engenharia, avaliação de projetos, fiscalização de implantação e operação de redes de transporte necessitam conhecer bem essa nova tecnologia de redes além das tecnologias tradicionais de redes de transporte.

Informações

Objetivo

Prover um entendimento prático do funcionamento de MPLS-TP e de suas aplicações em redes reais. Os participantes entenderão os requisitos de uma rede de transporte e a conhecerão as especificações de MPLS-TP: suas vantagens, os protocolos utilizados, as diferenças em relação a IP/MPLS, aplicações e funções de OAM, e como MPLS-TP é utilizado em redes reais de clientes.

Público-alvo

Baseia-se nos princípios de arquitetura de tecnologias orientadas a conexão tais como SDH e OTN. Como o núcleo das redes atuais muitas vezes é baseado em comutação de pacotes, os profissionais envolvidos com o planejamento e operação de serviços de transporte em telecomunicações necessitam conhecer o MPLS-TP.

Pré-requisitos

Os participantes devem possuir um bom entendimento de princípios de redes MPLS. Caso não o possuam, recomenda-se o curso de um dia adicional prévio, descrito ao final desta ementa.

Ementa
  1. Módulo 1: Introdução e revisão de IP/MPLS
    • Plano de dados
    • Plano de controle
    • Aplicações e serviços
  2. Módulo 2: Introdução ao MPLS-TP
    • Conceitos
    • Origens e história
    • Razões para a adoção
    • Utilização preferencial
    • Comparação com outras técnicas para redes de transporte
    • Vantagens
  3. Módulo 3: Aplicações de MPLS-TP
    • Redes de Acesso
    • Redes de Agregação
    • Redes de core
    • VPNs L2 e L3
    • Backhaul em redes celulares
    • Carrier Ethernet
  4. Módulo 4: Requisitos técnicos de MPLS-TP
    • Modelo de camadas
    • Plano de dados
    • Plano de controle
    • Proteção e recuperação
    • QoS
  5. Módulo 5: Protocolos usados em MPLS-TP
    • Plano de controle: GMPLS, RSVP-TE
    • Plano de dados
    • Plano de gerenciamento
  6. Módulo 6:  MPLS-TP OAM
    • Conceitos de OAM
    • Funcionalidades de OAM
    • Suporte às funções de OAM em MPLS-TP
    • Entidades
    • Protocolos
  7. Módulo 7: Requisitos de gerenciamento de uma rede MPLS-TP
    • Suporte de OAM a funções de gerenciamento de falhas, configuração, desempenho e segurança
    • Gerenciamento de falhas
    • Gerenciamento de configuração
    • Gerenciamento de desempenho
    • Gerenciamento de segurança
  8. Módulo 8: Serviços de Pseudowire
    • Definição de pseudowires
    • Arquitetura para a emulação de pseudowires (PWE)
    • Aplicações de PWE
    • Monitoração de desempenho e gerenciamento de falhas
    • Requisitos de QoS
  9. Módulo 9: Resumo, conclusão e teste

Curso opcional prévio, de um dia (para o caso de curso “in company”)

  1. Introdução ao MPLS
  • Introdução
    • Origens do MPLS
    • Onde o MPLS se encaixa
    • Vantagens do MPLS
  • MPLS
    • Objetivos do MPLS
    • Classificação e FECs (Forwarding Equivalence Classes)
    • Princípios da comutação por etiquetas
    • Caminhos comutados por etiquetas (LSPs)
    • Operações da pilha de etiquetas (push, pop, swap)
    • Como são codificadas as etiquetas no transporte
    • Mecanismos de distribuição de etiquetas
    • Protocolo de distribuição de etiquetas (LDP)
    • Adjacência em LDP
    • Roteamento em MPLS
    • Controle nos LSPs (independente ou ordenado)
    • Agregação e fusão de etiquetas
    • CR-LDP (constraint based LDP) e rotas explícitas
    • Reserva prévia, posta em espera e prioridade de LSPs
    • Recuperação rápida (MPLS Fast recovery)
    • Uso do RSVP para construir os LSPs
    • Princípios de MPLS com engenharia de tráfego (MPLS-TE)
Carga Horária
16 horas
Docentes

Próximas turmas

Cursos relacionados